Home / Dia a Dia / Ai meu dinheirinho
consumer-price-index-2-390x285

Ai meu dinheirinho

POUPAR É POSSÍVEL!

Sempre da para separar um dinheirinho para o futuro. Em sete passos fáceis veja como:

1 Ande com um caderninho na bolsa e anote tudo o que gasta para saber onde está indo seu dinheiro.

2 Se você não tem certeza de que conseguirá conter seus impulsos, deixe em casa cartões de crédito e cheques, e estabeleça um limite em dinheiro para carregar na carteira.

3 Planeje suas compras, todas elas, e pague apenas à vista.

4 Sempre pesquise preços e pechinche.

5 Só compre pela internet ou por telefone se for algo necessário, oferecido a um preço ótimo (a internet é um prato cheio para compradores compulsivos.)

6 Passe longe das liquidações.

7 Pesquise pacotes econômicos para celular, telefone fixo, internet e TV a cabo.

USA O CARTÃO, MÃE!

Essa foi a resposta de uma criança de 6 anos a sua mãe após ela dizer que não compraria o brinquedo por estar sem dinheiro. Desde pequenas as crianças já sabem que os cartões e cheques também são moeda, então é preciso começar a negociar cedo. Um exemplo: uma criança de 5 anos pediu a mãe que a levasse à Disney. A mãe respondeu que adoraria, mas isso exigiria que guardassem dinheiro, talvez deixando de festejar os aniversários da garota em dispendiosos buffet’s. A menina topou e o dinheiro da próxima festa vai para o projeto Disney.

É importante ensinar que escolher significa abrir mão de alguma coisa e que os recursos financeiros são finitos. O melhor presente para essa criança não será a viagem, mas a educação financeira que recebe de seus pais.

SEM DESPERDÍCIO

Economizar representa muito mais que reduzir as despesas da família: equivale a cuidar da saúde do planeta. Mas como passar isso para os nossos pequenos quando os argumentos de sempre já não fazem efeito? Sendo mais didática do que ranzinza. Por exemplo, é possível estimulá-los a economizar papel informando que um brasileiro consome duas arvores, 2 mil litros de água e 120 litros de combustível somente por causa do papel que utiliza ao longo de um ano. Esses números podem despertar na criança a motivação para fazer bom uso de cadernos e folhas, além de manusear livros com cuidado para que durem mais e possam ser reaproveitados por outros.

Confira Também

bolo-9202

Bolos da vovó

Os sócios Fabrício Sthel e Flávia Gama estão lançando mais novidades na sua Chocolateria Brasil. ...